Saúde

SEMUS Encerra atividades alusivas ao Novembro Azul com Saldo Positivo

Durante todo o mês de Novembro, a Prefeitura Municipal de São João do Caru, por meio da SEMUS – Secretaria Municipal de Saúde, realizou diversas ações no município tendo como foco, fortalecer a campanha de promoção da saúde masculina.

“Diversos povoados receberam a visita de equipes da SEMUS onde eram oferecidos desde café da manhã até palestras e exames rápidos PSA, Sífilis e HIV, um incentivo para o público masculino que segundo pesquisas concretas, não costumam frequentar os consultórios por conta de algumas barreiras e uma delas é simplesmente “cultural”. Destacou a Secretária Municipal de Saúde Andréa.

Nesta quinta-feira 29 de Novembro “Dia D” da Campanha, foi realizado uma grande mobilização dos profissionais de saúde na UBS – Jota Belém oferecendo os mesmos serviços prestados na zona rural. Apesar de vários profissionais estarem divididos em equipes e atendendo ao mesmo tempo, ainda chegou a ser necessário o enfrentamento de fila devido ao público presente, porém nada cansativo e duradouro.

“...Apesar de manter a cobrança, cheguei a ficar surpreso pelo serviço e atendimento dos profissionais com o público, sempre bati na tecla que todos os pacientes devem ser tratados com respeito e dignidade ao procurarem os serviços de saúde, ainda mais quando se trata do público masculino que poucos chegam ao se dirigir aos consultórios. Tivemos o acompanhamento de excelentes médicos, enfermeiros e um café da manhã muito bem preparado, estamos trabalhando para conseguir sempre melhorias no setor e graças a competência de nossos secretários já podemos contar com algumas benfeitorias em nosso município.” Citou prefeito Xixico Vieira – Prefeito Municipal

Novembro Azul: mês mundial de combate ao câncer de próstata

O câncer de próstata, tipo mais comum entre os homens, é a causa de morte de 28,6% da população masculina que desenvolve neoplasias malignas. No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos devido ao câncer de próstata, segundo os dados mais recentes do Instituto Nacional do Câncer (Inca).

O que é a próstata?

É uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa cerca de 20 gramas, e se assemelha a uma castanha. Ela localiza-se abaixo da bexiga e sua principal função, juntamente com as vesículas seminais, é produzir o esperma.

Sintomas:

Na fase inicial, o câncer de próstata não apresenta sintomas e quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada, dificultando a cura. Na fase avançada, os sintomas são:

• dor óssea;
• dores ao urinar;
• vontade de urinar com frequência;
• presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Fatores de risco:

• histórico familiar de câncer de próstata: pai, irmão e tio;
• raça: homens negros sofrem maior incidência deste tipo de câncer;
• obesidade.

Prevenção e tratamento:

A única forma de garantir a cura do câncer de próstata é o diagnóstico precoce. Mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem estes fatores, devem ir ao urologista para conversar sobre o exame de toque retal, que permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos, e sobre o exame de sangue PSA (antígeno prostático específico). Cerca de 20% dos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pela alteração no toque retal. Outros exames poderão ser solicitados se houver suspeita de câncer de próstata, como as biópsias, que retiram fragmentos da próstata para análise, guiadas pelo ultrassom transretal.

A indicação da melhor forma de tratamento vai depender de vários aspectos, como estado de saúde atual, estadiamento da doença e expectativa de vida. Em casos de tumores de baixa agressividade há a opção da vigilância ativa, na qual periodicamente se faz um monitoramento da evolução da doença intervindo se houver progressão da mesma.

Fontes:

Agência Brasil

Sociedade Brasileira de Urologia

Mais em Saúde


Receba nossa Newsletter. Deixe seu nome e e-mail!